Especialidades

Boca Seca: manejo clínico da Xerostomia e hipofunção da glândula salivar

Boca Seca: manejo clínico da Xerostomia e hipofunção da glândula salivar
Compartilhar | Comentar

Xerostomia, também conhecida como sensação de boca seca, é uma queixa muito comum dos nossos pacientes. Afinal, é o sintoma mais frequente da hipofunção da glândula salivar.

Pacientes com boca seca exibem sintomas de gravidade variável e frequentemente relacionados ao uso de medicamentos, doenças crônicas e tratamento médico, como a radioterapia para a região da cabeça e pescoço. Da mesma forma que a Xerostomia crônica aumenta significativamente o risco de cárie, sensibilidade dentária, candidíase e outras doenças orais que podem comprometer a qualidade de vida dos indivíduos afetados.

O diagnóstico clínico é essencial para o sucesso do tratamento

A avaliação inicial de pacientes com boca seca deve incluir um histórico detalhado de saúde oral e sistêmica. Esta avaliação inclui diversas perguntas-chave, por exemplo:

  • Sua boca fica seca?
  • Você precisa beber água para ajudar a deglutir os alimentos?

Além disso, deve ser realizado um exame clínico extra e intraoral, como uma avaliação da quantidade e qualidade de saliva. Assim sendo, testes laboratoriais e a biópsia da glândula salivar menor podem ser realizados quando há suspeita de envolvimento sistêmico, como a Síndrome de Sjogren.

Manejo clínico pode incluir abordagem interdisciplinar?

O manejo clínico da hipossalivação pode incluir a colaboração com médicos quando ocorre por consequência de condições sistêmicas e do uso de medicamentos. Portanto, será necessário a conscientização do paciente e modificações do seu estilo de vida. Posteriormente, diversas ações paliativas e preventivas eficazes incluem tratamento farmacológico com estimulantes salivares, intervenções tópicas com flúor e o uso de goma de mascar para aliviar sintomas de boca seca e melhorar a qualidade de vida do paciente.

Espero que tenham gostado! Vamos em frente!

Seguem referências bibliográficas para aprofundamento no tema:

Plemons JM, Al-Hashimi I, Marek CL; American Dental Association Council on Scientific Affairs. Managing xerostomia and salivary gland hypofunction: Executive summary of a report from the American Dental Association Council on Scientific Affairs. J Am Dent Assoc. 2014 Aug;145(8):867-73. doi: 10.14219/jada.2014.44.

Al-Hashimi I. The management of Sjogren’s syndrome in dental practice. JADA 2001;132(10):1409-1417.

Autora: Dra. Debora Heller Douek – Cirurgiã-dentista; Especialista e Mestre em Periodontia e PhD em Biologia Oral. Professora da Unicsul e Pesquisadora do Hospital Israelita Albert Einstein.
Instagram: @adentistacientista

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.