Gestão e Marketing

Como inovar na odontologia utilizando os princípios de uma startup

Como inovar na odontologia utilizando os princípios de uma startup
Compartilhar | Comentar

Startup é uma instituição humana projetada para criar novos produtos e serviços sob condições de extrema incerteza, segundo Eric Ries, um empreendedor americano do Vale do Silício e autor reconhecido por ser o criador do movimento Lean Startup (uma nova estratégia para modelo de negócios inovadores). Quando um dentista decide empreender, está diante de um cenário de extrema incerteza. A concorrência na odontologia é muito grande e, além disso, o dentista não aprende na faculdade nada sobre inovação, empreendedorismo ou a utilizar a criatividade para se diferenciar no mercado.

O movimento de Eric Ries

Na vanguarda do empreendedorismo do século XXI, Eric Ries criou um movimento que está transformando a maneira como novos produtos e serviços são criados. Basicamente, quando se cria uma startup, se pensa no problema que será resolvido antes de apegar-se à solução. Com o dentista empreendedor normalmente é diferente: o dentista pensa primeiro na qualidade do seu negócio, na estrutura, quanto ele tem para investir, quais especialidades ele vai oferecer e quantos equipamentos de última geração ele vai precisar para encantar o seu cliente. Mas, afinal, qual é o problema que o dentista empreendedor vai resolver com o seu negócio? Como ele vai se diferenciar da concorrência?

Muitos dirão: – Ora, se eu sou dentista então é claro que irei resolver problemas ligados à saúde bucal e posso me diferenciar da concorrência pelo melhor preço!

Talvez esteja aí o grande aprendizado que podemos receber ao observarmos os princípios de uma startup. Enquanto a maioria segue o caminho óbvio, o inovador segue por onde ninguém nunca pensou em seguir. Neste sentido, a maioria dos dentistas são “cuidadores da saúde bucal”, enquanto alguns, mais atentos, vão além e entregam valor.

Resolver problemas é o que deve nortear todo empreendedor. Isto tem a ver também com a percepção de valor do cliente. Via de regra o cliente entende muito bem do problema e espera sempre por uma solução. Quando se oferece a solução para resolver o problema, o cliente percebe valor, caso contrário, não percebe valor e vai escolher sempre a “pseudo-solução” mais barata.

Sobre o empreendedorismo na odontologia

Tenho certeza que o dentista empreendedor que chegou até aqui na leitura, começa a se enxergar. Na maioria das vezes o empreendedor não entende por que investiu tanto, escolheu a melhor estrutura, os melhores equipamentos, porém, não consegue “decolar”. Não raro, olha para a concorrência bem mais barata e pensa: onde foi que eu errei?

O dentista empreendedor deve utilizar o conceito que está por trás de toda startup. Em vez de pensar primeiro na estrutura do seu negócio, pense no problema ou dilema do cliente que vai resolver. Em vez de gastar muitos recursos (tempo, dinheiro e pessoas) na estrutura, busque descobrir o que o mercado deseja. Pesquise e ouça bastante aquele que será o seu usuário. Mergulhe nas “dores” e nos dilemas do seu cliente e teste o mais cedo possível a sua aceitação.

Se, ainda assim, não estiver satisfeito com a resposta do cliente, não hesite em mudar o rumo do seu negócio. Mudança de direção é sempre bem-vinda, seja na solução ou no nicho de mercado. E lembre-se: não há maior destruidor do potencial criativo de um empreendedor que a decisão mal orientada de perseverar.

Autor: Dr. Victor Hugo Ribeiro – Cirurgião-dentista pela Faculdade de Odontologia de Campos – UNIFLU/RJ; MBA em Gestão de Programas de Promoção da Saúde pela Universidade São Camilo/ABQV-SP; MBA em Liderança, Inovação e Gestão 3.0 pela PUC-RS; Mentor em eventos de inovação como Acelera Startups, Startup Weekend e Hackathon; Entusiasta das novas perspectivas da odontologia em tempos de Big Data, Inteligência Artificial e Machine Learning.

Perfil no Linkedin do Dr. Victor.
Grupo de “Inovação & Odontologia” no WhatsApp (de inteira responsabilidade do autor do conteúdo).

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.