Casos Clínicos

Ensaio restaurador: planejamento da funcionalidade em dentes anteriores

Ensaio restaurador: planejamento da funcionalidade em dentes anteriores
Compartilhar | Comentar

Introdução

O ensaio restaurador é um dos procedimentos clínicos mais importantes para se alcançar um elevado nível estético. É uma técnica de rotina que deve ser realizada logo na primeira consulta, e é nela que se definem parâmetros estéticos importantes. Observando a reação do paciente ao chamado “Test Smile” (ensaio restaurador).

Na clínica do Dr. José Arbex Filho, utiliza-se esta estratégia há muitos anos, independentemente se o procedimento será em resina composta direta ou laminados cerâmicos para a alteração na estética do sorriso. A possibilidade de arquivar digitalmente ou moldar e encaminhar para o protético serve de ótima referência inicial para o enceramento ou estudo do caso. Indispensável ressaltar a necessidade de sempre se preocupar com a oclusão, que deve ser prioridade e é fundamental em uma análise criteriosa logo no início do tratamento.

A queixa

Paciente com 25 anos de idade, sexo feminino, médica. Veio de outra cidade para um tratamento estético específico nos dentes anteriores, que estavam muito desgastados e com fraturas constantes nas restaurações em resina já presentes nesta região. Foi realizada uma criteriosa análise oclusal em conjunto com o Ensaio Restaurador para o planejamento estético e funcional deste caso.

Nota-se que todos os dentes posteriores estavam em perfeito estado, sem desgastes e hígidos. Os anteriores (elementos 13 a 23) apresentavam-se bem desgastados, dando um aspecto envelhecido ao sorriso, o que incomodava a paciente ainda jovem.

A paciente veio decidida por uma opção mais conservadora e que alcançasse um sorriso com maior convexidade e mais natural. Nos movimentos dinâmicos, latero protrusão e lateralidade, os caninos já não faziam a proteção necessária e as bordas incisais dos 4 incisivos já apresentavam bastante desgaste e pequenas fraturas, que se tornaram constantes.

Se as restaurações fossem apenas nas bordas incisais, sem alterar a dinâmica oclusal anterior, novas fraturas iriam ocorrer nessa região, independente do material utilizado, principalmente devido aos movimentos parafuncionais. Nesta análise, foram diagnosticadas pequenas abfrações cervicais do lado direito (elementos 11,12 e 13) devido a hábitos parafuncionais mais intensos, o que gerou aumento da coroa clínica nesses elementos no sentido cervical (LCNC).

Acrescentou-se material restaurador nas palatinas dos 6 elementos (elementos 13 a 23), alterando o ângulo de desoclusão. Alongando os guias caninos e, assim, protegendo todo o sistema funcional. Foi desenvolvida uma placa protetora em acrílico para uso noturno, visando preservar os dentes da tensão aplicada.

Passo a passo

Produto utilizado

Resina Estelite Omega Kit Deluxe.

Autor
Dr. José Arbex Filho: Formado pela Universidade Federal de Diamantina / MG; Membro Diretor da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética (SBOE) e Presidente Biênio 2003/2004; Coautor do livro Shortcuts (com Ronaldo Hirata), 2016; Consultor Científico da Revista Journal of Clinical Dentistry and Research.

Fonte: Dental One.

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.