Biossegurança

4 Dicas para higienizar seus instrumentais antes da esterilização

4 Dicas para higienizar seus instrumentais antes da esterilização
Compartilhar | Comentar

Cirurgião-dentista, seus instrumentais não estão durando o tempo que você gostaria? Saiba que esse pode ser um impasse simples de resolver. A higienização dos instrumentais antes da esterilização é muito importante para conservá-los por muito mais tempo. Pensando nisso, preparei algumas dicas que podem ajudar a conservar os seus. Caso contrário, você terá que renovar seu estoque antes do que imagina. Vamos às dicas?

1ª Dica: nunca manusear instrumentais sem os Equipamentos de Proteção Individual (EPI), você pode se contaminar!

Não lave seus materiais sem estar com touca (ele deve cobrir a orelha) e máscara (nunca usar com o elástico cruzado). A touca e a máscara protegem de possíveis respingos. O jaleco deverá ser impermeável na lavagem dos instrumentais e artigos, pois seu corpo pode ficar em contato da pele com a umidade e, caso tenha alguma descamação, machucado ou ferida, você estará correndo grande risco. Por exemplo: barriga molhada com água contaminada da lavagem do instrumental é uma porta de entrada para micro-organismos.

2ª Dica: nunca lavar instrumentais com bucha, material tipo bombril ou palha de aço

Esse tipo de material remove somente a camada superficial dos instrumentais, e faz com que acumule matéria orgânica e bactérias. Usar escovas de cabo longo e cerdas macias evitam acidentes (como perfurações). Nunca deixar os artigos (instrumentais, posicionadores, etc.) secos até a hora da lavagem, sempre deixá-los imersos em soluções emolientes. Lembrando: detergentes neutros com fim específico para uso odontológico ou hospitalar conservam muito mais nossos instrumentais ou artigos. Então, nada de detergente neutro de lavar louça, combinado? Os detergentes enzimáticos fazem soltar melhor as impurezas impregnadas nos instrumentais, facilitando o nosso dia a dia.

3ª Dica: nunca usar produtos sem ler a indicação do fabricante

Quando trocamos o fabricante dos produtos que utilizamos para higienizar os instrumentais, devemos, também, nos atentar às indicações de uso do mesmo. Um exemplo é utilizarmos a quantidade incorreta do produto para determinada medida de água. Veja bem: fabricante X indica 5 ml de detergente enzimático para 1 L de água; já o outro fabricante indica de 1 a 3 mL para 1 L de água. Nesse caso, estaremos desperdiçando material, porque o fabricante orienta a quantidade certa devido aos testes que faz antes de comercializar. O excesso prejudica a durabilidade e tempo de vida útil dos instrumentais. Além disso, você estará gastando R$ sem necessidade!

4ª Dica: a desincrustação de instrumentais é fundamental

A cada 2 meses promova a desincrustação dos instrumentais (com desincrustantes específicos). A desincrustação deve ser feita sempre que necessária: quando houver manchas, restos de produtos e ou matéria orgânica, que irão prejudicar o processo de esterilização. Enxágue bem os seus instrumentais e não deixe resquícios de detergente. A secagem tem que ser feita logo após o enxágue. Nunca deixe secarem por si só.

Na imersão de artigos que não podem ir na autoclave, os termossensíveis, eles precisam estar secos, limpos e inspecionados, e nunca esqueça de usar todos os EPI: luva, máscara, jaleco, etc.. Podemos inalar o produto e nos contaminar, sofrer com alergia, afinal, estamos falando de produtos químicos, como ácido peracético e glutaraldeído.

Dica extra: o que pode ajudar na secagem dos seus instrumentais, é utilizar o secador específico para esse processo! Ele ajuda a conservar os artigos, principalmente os articulados e que tenham corte. Se ainda houver impurezas, repita o processo de higienização.

Nossa saúde vale muito, não é?

Na Dental Cremer encontramos variedade em materiais de Biossegurança e de qualidade! Acesse ESTE LINK e confira o portfólio completo.

Gostou das dicas desse artigo? Então deixe seu comentário!

Beijos e até!

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.