Odontogeriatria

Odontogeriatria: a odontologia para a terceira idade

Odontogeriatria: a odontologia para a terceira idade
Compartilhar | Comentar

O número de idosos no Brasil cresceu muito nos últimos anos. Atualmente, esse número é de mais 30 milhões no país. Com este crescimento surgem diversas áreas que necessitam de orientação para atendê-los, desde as mais simples, como atividades de lazer, transporte adaptado, atendimento prioritário, entre outros; e os mais específicos, como o tratamento odontológico voltado para idosos, a Odontogeriatria.

Os idosos têm necessidades e cuidados específicos durante um tratamento odontológico que o profissional precisa estar atento e atualizado para atender este público com excelência. Saber considerar as diferenças fisiológicas, patológicas e psicológicas decorrentes do envelhecimento para um tratamento menos invasivo e com recuperação mais simples e rápido possível.

Dentre as mudanças fisiológicas que acontecem durante o processo de envelhecimento, o dentista precisa se atentar para:

Mucosas mais finas e sensíveis, sujeitas a traumas e lesões durante o tratamento;

Dentes mais escuros e sensíveis devido ao acúmulo de minerais e desgaste natural dos tecidos;

Retração gengival devido a traumas por problemas oclusais, perdas e movimentações dentárias, má higiene oral e escovação traumática;

– Diminuição da quantidade de saliva, muitas vezes em decorrência da utilização contínua de medicamentos e assim o ressecamento da boca, que vai causar mais problemas nos tecidos bucais – presença de aftas ou mucosites – e desmineralização dos dentes;

– Cerca de 73% dos brasileiros acima de 60 anos apresentam doenças sistêmicas como Hipertensão Arterial ou Diabetes. O dentista precisa ficar de olho para os problemas bucais que o não controle dessas doenças pode apresentar.

Dentre os principais problemas que o dentista vai tratar em idosos estão:

– A substituição de dentes ausentes – próteses totais ou parciais móveis ou sobre implantes;

– Controle de doença periodontal como gengivite, periodontite e/ou retração gengival.

– Substituição de tratamentos antigos e grandes restaurações que podem começar a falhar por estarem há muito tempo na boca.

O dentista Odontogeriatra precisa ter um consultório adequado para receber os idosos com ausência de escadas muito íngremes, espaço para passagem de cadeirantes, cadeira confortável com bastante mobilidade e etc.

A família tem papel fundamental no auxílio do profissional de odontologia durante o tratamento. Deve-se acompanhar e levar o idoso nas consultas, responder com sinceridade todas as perguntas do dentista e seguir todas as orientações e recomendações durante o tratamento.

Para aqueles que usam próteses (parcial ou total), a higienização e manutenção requer um pouco mais de atenção:

Enxaguar bem a prótese para remover resíduos;

Escovar a prótese com uma escova DURA, fora da boca – usar a pia e não fazer isso no banho e sabão neutro – sim, sabão neutro – pois a utilização de creme dental pode danificar o material;

– Para finalizar, uma escovação APENAS DA LÍNGUA COM ESCOVA OU LIMPADORES DE LÍNGUA.

– E ao guardar a prótese o ideal é manter ela em um recipiente com uma solução para limpeza ou com água limpa e pura.

Com uma saúde bucal adequada durante a vida, é fácil de manter dentes, gengivas e ossos saudáveis.

Quer uma dica para restaurações na Odontogeriatria?

Como nós sabemos, a maneira mais rápida e prática para especificar uma cor de dente é através da Escala Vita e nelas podemos encontrar todas as tonalidades de cor dos dentes: tons A – Vermelho-acastanhada, tons B – Amarelo-avermelhado, tons C – Acinzentado, tons D – Cinza-avermelhado e tons BL – Dentes clareados.

Nos idosos, as cores mais comum são de Tons C (acinzentado), pois tem relação com a presença de minerais no dente e/ou de restaurações antigas. Na Odontogeriatria, podemos utilizar as resinas que tem cores dentro dos tons C (C1, C2, C3 e C4).

Resina Z100 – 3M
Resina Fill Magic – Coltene
Resina Charisma Diamond – Kulzer
Resina Ultrafill – Biodinâmica
Resina Z350 – 3M

Quer saber mais? Temos o Livro Odontogeriatria, da Editora Napoleão, disponível em nossa Loja Virtual, CLIQUE AQUI PARA CONFERIR!

Fontes: O Globo; APS; Doutor Fernando Reis; Sorrisologia.

Colaborador: Dr. Luiz Rodolfo @dicasodonto

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.