O futuro já chegou na odontologia

A tecnologia de ponta vem fazendo parte cada vez mais constante da vida do cirurgião-dentista brasileiro. As novidades são muitas, com intuito de facilitar a vida do dentista e do paciente com otimização de tempo e novas técnicas. Através desse texto, pretendo elencar algumas das tecnologias que estão presentes no dia a dia do dentista que chegaram para ficar. Pelo menos por algum tempo.

A radiografia digital e a tomografia computadorizada digital são exemplos de tecnologias que chegaram para ficar e facilitar muito os planejamentos e diagnósticos. O melhor de tudo isso é que o dentista não precisa ter os aparatos em seu consultório. Os centros radiológicos das grandes cidades estão equipados com estas tecnologias. A radiografia do paciente chega via email ao dentista. É possível usar softwares para mudar o contraste e brilho das imagens. As cópias dos exames podem ser enviadas aos pacientes ou a outros dentistas por meio de alguns cliques do mouse.

Sem contar os programas de manipulação de imagens tomográficas onde é possível planejar o local exato, comprimento e largura de implantes dentários com precisão milimétrica. Em cima desse planejamento, é possível mandar fazer um guia cirúrgico multifuncional para cirurgias guiadas. Planejamento digital completo de casos de protocolo, com melhor posição tridimensional dos implantes para aguentarem melhor as cargas mastigatórias dependendo de cada caso.

E a moldagem? Aquela massa que muita gente não gosta? Já existe a “moldagem digital” feita com uma câmera especial e um pó de digitalização. O dente ou a boca moldada já vai direto para o computador. Em cima de um dente preparado e moldado por meio digital é possível mandar fresar o dente na hora. Caso o dentista não tenha o equipamento de fresagem, basta mandar o arquivo online para algum laboratório de prótese que tenha o equipamento. Se o dentista tiver todos os equipamentos no consultório, há casos que o dente pode ser feito em uma hora e meia ou duas horas, sem necessidade de provisório. A adaptação é de encaixe perfeito e milimétrico aumentando a longevidade e o sucesso do dente.

A parte do tratamento de canal evoluiu muito também. Técnicas de sessão única, otimizam o tempo e o conforto de um tratamento antes um pouco penoso que podia levar até cinco sessões. Não que isso não aconteça hoje em casos mais complicados de canais atresiados ou condutos com limas fraturadas, mas os casos mais “redondos” são resolvidos em uma sessão com uso de instrumentos rotatórios, limas, localizador apical e até microscópio. O dentista tem a verdadeira visão além do alcance.

Claro que tudo que é novo ainda pode ser considerado caro. O maquinário é bastante dispendioso, requer treinamento específico do profissional, mudança de processos no consultório e investimentos pesados. Acredito que o valor agregado e a economia de tempo são tão grandes que o preço acaba não se tornando tão caro. É preciso analisar bem o público do seu consultório, bairro e cidade para que o dentista possa embarcar em novas tecnologias.

Para finalizar esse assunto, gostaria de lembrar que a comunicação entre as pessoas está mudando. A Internet e as Redes Sociais vêm modificando nossa forma de se comunicar. É possível confirmar consultas com dentista via mensagens SMS, Whatsapp e E-mail, por exemplo. Essa tecnologia tem seu lado bom que é o da rapidez e eficiência, porém devemos lembrar que ao abrirmos este canal, estaremos disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana para nossos pacientes. Se o bom senso for um imperativo, acredito que podemos nos dar muito bem com estes meios de comunicação modernos.

 

✍️ Deixe seu comentário

📢 Compartilhe com os amigos

🕵 Siga nossas redes:

➡ Facebook

➡ Instagram

➡ Twitter

➡ Pinterest

➡ TikTok

Acesse nossa Loja Virtual e encontre a solução completa para você na Odontologia!

Comentários

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.