Passo a passo da Técnica do Carimbo Oclusal

Os dentes posteriores normalmente apresentam anatomia com um grau elevado de complexidade devido à existência de sulcos, fóssulas e fissuras. Por isso, são superfícies comumente afetadas pela cárie já que são mais propensas ao acúmulo de biofilme.

Dessa forma, a reprodução dessas características durante o processo restaurador, exige do cirurgião dentista um bom conhecimento de anatomia e habilidade para esculpir corretamente os detalhes da morfologia oclusal. Nesse sentido, além de devolver forma, restabeleceremos função, integridade e oclusão.

Assim, a indicação da técnica do carimbo oclusal está centralizada em dentes posteriores com restaurações dos tipos classe I e II com presença de cárie oculta ou no início do processo carioso, porém com anatomia oclusal íntegra.

A técnica do carimbo oclusal possui vários sinônimos na literatura como: réplica oclusal, índex oclusal, cópia oclusal e matriz oclusal; mas todas as técnicas seguem o mesmo protocolo de execução e indicação, podendo apenas variar no material que é utilizado para a realização dá cópia da anatomia oclusal.

Ao passo que, podemos utilizar diversos materiais com esse fim, tais como: silicone de adição transparente, barreira gengival, resina acrílica autopolimerizável e resina fotopolimerizável do tipo flow, sendo o último, um material frequentemente utilizado, devido a facilidade de aplicação e pelo custo x benefício.

Entretanto, apesar desta técnica ser relativamente antiga e preconizada pelo Prof. Mandarino, ainda tem bastante aplicabilidade clínica. Pois, a sua execução permite ao operador uma agilidade na técnica restauradora, ganho de tempo clínico e praticamente nenhum ajuste oclusal. O que facilita também o polimento e acabamento, além da grande lisura que a cópia oclusal confere ao dente restaurado, devido a exatidão da cópia da anatomia oclusal do elemento que está sendo restaurado.

Técnica do Carimbo Oclusal: passo a passo

Comentários

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *