Dicas

Qual a relação do veganismo com a saúde bucal?

Qual a relação do veganismo com a saúde bucal?
Compartilhar | Comentar

  O veganismo é, acima de tudo, um estilo de vida! As pessoas optantes pelo veganismo não consomem nada de origem animal e são contra qualquer abuso aos animais. Isso se aplica para produção de alimentos, testes de produtos químicos, maquiagens e fabricação de roupas e calçados. Além do veganismo, existem pessoas que optam pela dieta ovo-lacto-vegetariano, lacto-vegetariano ou vegetariana. Segundo o IBOPE, 8% da população seguem dietas que excluem a ingestão de alimentos de origem animal.

Estudos comprovam que a dieta vegana possui alguns benefícios para saúde, um deles é a redução de doenças crônicas como câncer e hipertensão. Quanto aos benefícios e malefícios para a saúde bucal, poucos são os estudos concretos sobre o assunto.

Quais são as indicações para pacientes veganos?

No consultório, encontramos algumas dificuldades na hora de indicar produtos para pacientes veganos. Portanto, é importante verificar a composição dos materiais e se são testados em animais. Certamente seu paciente não seguirá sua indicação caso não siga estritamente os padrões do seu estilo de vida. E isso pode comprometer o tratamento prescrito.

Muitos pacientes veganos optam por fazer seus próprios produtos, para que tenham a garantia de que estes não irão contra os seus princípios. A pasta de dente vegana é uma das opções que podem ser caseiras. No entanto, este fato deve chamar a atenção do cirurgião-dentista, pois a composição pode não ter a efetividade necessária.

Porém, alguns produtos já são encontrados com mais facilidade em lojas físicas ou virtuais por fornecedores confiáveis. Entre os mais comuns estão o creme dental, escova com cerda de bambu, fio dental e tabletes para escovação. No último caso, não é indicado pois contém bicarbonato de sódio, agindo como um abrasivo nos dentes, desgastando o esmalte.

Em alguns cremes dentais veganos encontramos flúor e o lauril sulfato de sódio, porém a toxidade destes componentes ainda são questionáveis. A maioria deles evitam ao máximo a presença de substâncias químicas na sua composição. Portanto, problemas como alergias, inflamações e doenças autoimunes podem ser amenizados consideravelmente.

Os itens industrializados para a higiene bucal não apresentam nenhuma contraindicação, já que o processo de produção estabelece diversos padrões de segurança para garantir um produto de qualidade. As receitas caseiras também são consideradas uma boa opção, pois é possível escolher os ingredientes naturais que serão utilizados. É importante, antes de mais nada, que você participe deste processo, garantindo que seu paciente estará utilizando ingredientes que sejam efetivos e, principalmente, não prejudiquem a saúde.

Qual é a relação do veganismo com a saúde bucal?

A Universidade Paulista realizou um estudo com o intuito de verificar a relação entre as dietas que restringem algum tipo de alimento de origem animal com a doença periodontal. Foram entrevistados 74 indivíduos e os veganos representam apenas 2,7% deste número. A idade média dos participantes foi de 34 anos. A análise constatou que pessoas optantes pela dieta vegana possuem menos incidências de possuir doenças periodontais do que os onívoros. Porém, deve-se considerar a idade e fatores sócio-culturais.

Vegetarianos são propensos a ingerir uma quantidade alta de antioxidantes, com o objetivo de repor vitaminas que não são ingeridas na alimentação. E, de acordo com a pesquisa, a alta ingestão de vitaminas e antioxidantes pode ser um fator positivo para a proteção contra doenças periodontais.

Respeite a opção do seu paciente

Como vimos no início deste artigo, o número de pessoas vegetarianas no Brasil ainda é muito baixo. Porém, é muito provável que você atenda um paciente que adote este estilo de vida. É muito importante ter empatia para lidar com estes casos, na hora de escolher os produtos para os seus procedimentos, verifique se a marca escolhida também comercializa produtos “cruelty free” ou seja, não testados em animais. Mostre-se disposto a entender o que ele pode ou não consumir e utilizar. Tenho certeza que isso te proporcionará a gratidão do seu paciente.

Referências

DA SILVA FEITOZA, Alex Henrique. INFLUÊNCIA DA DIETA VEGETARIANA NA SAÚDE PERIODONTAL. Tese de Doutorado. UNIVERSIDADE PAULISTA.

Gostou do artigo e quer receber mais conteúdo como esse na sua caixa de entrada? Coloque seu email aqui embaixo que do resto a gente cuida.