Quem tem medo do TCC? Confira 5 dicas pra tirar esse desafio de letra

Já quero começar te contando que o TCC não é esse bicho de 7 cabeças que todo mundo fala. Já de umas 5 cabeças, talvez seja! Hehe. Mas não se preocupa antes do tempo não, porque eu trouxe ajuda!

5 dicas para você se guiar na hora de fazer seu TCC

1- Selecione bem o seu orientador

Imagino que você esteja pensando em chamar aquele professor tranquilo, que é amigo da turma, né? Mas, na hora de escolher o orientador para o seu trabalho de conclusão de curso, provavelmente esse não será o melhor critério para decidir.

Aposte nos professores que estão habituados com artigos, metodologias, que entendam de pesquisa científica. O TCC não deixa de ser uma possível publicação, então, pense em quem de fato pode te ajudar a chegar no melhor resultado.

2- Escolha um tema que você tem familiaridade

Escolher um assunto que você não domina ou não gosta, não parece ser uma boa ideia! Você ficará alguns dias pesquisando sobre ele e fazendo ligações entre artigos do mesmo tema, então é importante que você já tenha uma base de conhecimento e que se interesse pelo que está estudando.

3- Não dificulte o que não precisa ser mais difícil

Isso é bastante pessoal, mas meu conselho é que você não invente ideias mirabolantes, metodologias diferentes e milhares de planilhas. Por exemplo, se você não gosta de números ou não sabe mexer no Excel, não faça um TCC que envolva comparação de dados. Se você não gosta de textos longos sobre teorias, não escolha um assunto que tem poucos experimentos práticos etc. Isso tornará o processo menos “doloroso” para você!

>>>Leia também: Você conhece os melhores métodos de estudo?

4- Tenha boas referências bibliográficas

Para desenvolver uma nova pesquisa, você precisa se basear em artigos científicos e publicações de qualidade. Lembre-se: nem tudo que está publicado é válido! Você lembra que já saíram “estudos” que diziam que ovo faz mal à saúde? Sem nenhum embasamento relevante… sabemos que isso nunca foi verdade, mas está publicado.

Selecione de forma criteriosa o que você vai usar para referenciar seu trabalho. E se não encontrar muitas opções em português, pesquise em revistas estrangeiras e traduza os textos. Existem artigos incríveis para pesquisa fora do Brasil.

>>>Leia também: Como se destacar no estágio de odontologia?

 5- Faça com antecedência e com calma

Se você não quer se desesperar na última semana antes da apresentação, tenha tudo – ou quase tudo – pronto pelo menos 2 meses antes! Enquanto seus colegas estarão se descabelando aguardando correção do orientador, revisão da ABNT etc. Você estará tranquilo(a) só ensaiando a sua apresentação.

Estruture por etapas, comece cedo e vá escrevendo aos poucos. Quando você perceber, já estará com o trabalho impresso na mão e corrigido.

>>>Confira todos os artigos voltados para você, estudante! 

Agora que você já tem essas dicas, aproveite e as coloque em prática! A fórmula para se sair bem no TCC está em suas mãos, bom trabalho!

Sobre a autora:

Kamila Luz | @kamilaluzismail

Cirurgiã Dentista pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC)
Fundadora do curso Manual do Recém Formado
Especializada em Ortodontia
Liga Acadêmica de Saúde Coletiva
Influenciadora Digital para acadêmicos

✍️ Deixe seu comentário

📢 Compartilhe com os amigos

🕵 Siga nossas redes:

 Facebook

 Instagram

 Twitter

 Pinterest

 TikTok

Youtube

Ouça nosso Podcast

Acesse nossa Loja Virtual e encontre a solução completa para você na Odontologia!

Comentários

1 comentário
  1. Ótimas dicas, como sempre!

    Indico a quem puder também entrar em algum tipo de grupo de pesquisa e/ou extensão durante a graduação, assim já vai se familiarizando com a produção científica e provavelmente vai sofrer muuito menos no TCC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.